Minhas Pinturas

Seguidores

Minha lista de blogs

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

A ROSA E A MARGARIDA


No canteiro das rosas nasceu uma margarida.
A rosa muito zangada reclamava aborrecida:
Sou de classe, de castelos, de rainhas,
sou a flor dos namorados e amantes.
Tenho cores infinitas, perfumo todo lugar.
Saia do meu canteiro,
Vá pro campo se espalhar.
E a margarida dizia:
Eu sou silvestre, sou simples,
Sou bonita, sou suave,
sou bem me quer mal me quer,
sou singela, somos brancas e amarelas.
sou do campo e das donzelas,
e aqui eu ficarei, na sombra do roseiral.
Eu nunca daqui  sairei.
Então não me queira mal!

Léah

6 comentários:

  1. OLÁ LEAH !

    Tão bonito o seu poema e tão simples!
    Gosto muito de rosas, mas se calhar prefiro as margaridas.

    Já há uns dias andava a passear por uns blogs quando a encontrei, visitei o seu cantinho, gostei tanto, que me fiz seguidora.
    Beijs.HELENA

    ResponderExcluir
  2. Olá Leah
    Amei seu poema.
    Estou na fase das rosas, mas margarida foi sempre minha flor preferida....
    bjão
    mari

    ResponderExcluir
  3. Olá Leah!
    Adorei seu blog!!!Além de artista plástica você é poetisa!!!Eu também pinto porem sou uma negação com as palavras!
    Amiga estou te seguindo.
    bom fim de semana.
    bjossss

    ResponderExcluir
  4. Olá Léah:
    Adorei seus dois ultimos posts, e minha filhota Mariana colocou, com seu nome é claro, os dois poemas da rosa e da margarida, no seu scrap book.
    beijinhos para voce destas duas amigas.
    Anja e Mariana

    ResponderExcluir
  5. Assim como a Anja e a Marianinha,também gostei demais destas duas postagens da rosa e da margarida, obrigado por ter permitido que ela as colocasse no seu scrap book.
    beijos,
    Alex

    ResponderExcluir