Minhas Pinturas

Seguidores

Minha lista de blogs

quarta-feira, 3 de março de 2010

Crepúsculo

Crepúsculo

Finda o dia, céu vermelho, nuvens densas
Firmo o olhar para buscar a claridade.
E nela a alegria do começo.
Mas a escuridão se anuncia
é imutável
Após o dia chega a noite
Não há recomeço
Não há claridade
Para banhar-me no seu brilho
E com passos lentos e a contra gosto
Vejo-me caminhando para o fim.
(Léah MorMac)
                                                             pintura Léah MorMac

3 comentários:

  1. Lindas palavras poeticas,
    em parceria com teu quadro tão formoso
    feito nuvens num fim de tarde,
    avermelhadas como crepúsculo...

    LIndo Leah Parabéns
    como tudo o que pinta
    e desenha...

    Bjss Meus
    Livinha

    ResponderExcluir
  2. Adorei..muito lindo esse poema.

    abraços


    Hugo

    ResponderExcluir
  3. Gostei demais do poema achei-o muito forte contundente, e a pintura que coisa linda, parabéens, beijinhos no coração.
    Anjaanjinha

    ResponderExcluir